segunda-feira

As Cruzadas (Thiago)













Exibido em 12/08/06
NOTA:9,0
Comentários:

"Se você descontar a completa confusão no início do filme(ninguém sabem quem é quem e nada é explicado), e alguns erros históricos(Godfrey nunca existiu e o Rei Baldwin morreu um ano antes da época em que se passa do filme, consequentemente a derrota de Salahadin e a conquista de Jerusalém aconteceram décadas antes), Cruzada é um bom filme. A História não se tratar especificamente de uma Cruzada(o título original é "Kingdom of Heaven", ou "O Reino dos Ceus"), mas sim do cerco e tomada de Jerusalém pelos muçulmanos. O que mais impressiona no filme, alem da beleza de Eva Green como Princesa Sibylla, é o final. Méritos para o diretor Riddley Scott que conseguiu conter a ânsia Hollywoodiana por finais épicos e "humanizou" a figura do heroi Balian. Não pense que vai achar alguma "verdade" nas impressionantes reconstruções de Jerusalém, ou mesmo nas cenas de batalhas, esse não é o objetivo do filme, Cruzada não passa de uma boa diversão. E não é isso que importa?"
(Diego Rivera)
Elenco:
Orlando Bloom (Balian)
Liam Neeson (Godfrey de Ibelin)
Eva Green (Princesa Sibylla)
Michael Sheen (Padre)
Nathalie Cox (Esposa de Balian)
Marton Csokas (Guy de Lusignan)
Alexander Siddig (Nasir)
Brendan Gleeson (Reynald)
Jeremy Irons (Tiberias)
Jon Finch (Jerusalem)
Edward Norton (Rei Baldwin)
Michael Fitzgerald (Humphrey)

Sinopse:
Balian (Orlando Bloom) é um jovem ferreiro francês, que guarda luto pela morte de sua esposa e filho. Ele recebe a visita de Godfrey de Ibelin (Liam Neeson), seu pai, que é também um conceituado barão do rei de Jerusalém e dedica sua vida a manter a paz na Terra Santa. Balian decide se dedicar também à esta meta, mas após a morte de Godfrey ele herda terras e um título de nobreza em Jerusalém. Determinado a manter seu juramento, Balian decide permanecer no local e servir a um rei amaldiçoado como cavaleiro. Paralelamente ele se apaixona pela princesa Sibylla (Eva Green), a irmã do rei.



Nenhum comentário: